Análise games - Saints Row: The Third


Saints Row: The Third, terceiro game da franquia de ação, com doses cavalares de humor, desenvolvida pela Volition, e distribuído pela falecida THQ. Lançado em novembro de 2011 para PS3, Xbox 360 e PCs.

Confesso, que como muitos, fui conhecer a franquia Saints Row apenas com o lançamento do terceiro game. A serie nasceu como uma alternativa para os fãs de games de mundo aberto, buscando se diferenciar através do humor, mas foi apenas com o lançamento de The Third que o game ganhou destaque, justamente por levar o humor ao extremo e apresentar uma campanha totalmente sem noção e divertida.

Na trama o jogador assume um membro da gangue dos Saints Row, que é tratada como celebridade por parte da sociedade, mesmo sendo assumidamente criminosos e já na primeira missão vemos o quão sem noção a trama será, uma vez que nos encontramos em uma assalto a banco onde os reféns nos pedem autógrafos durante o roubo e o mais impressionante, você literalmente ira levar o cofre inteiro do local, em uma sequencia de ação de tirar o folego já nos primeiros minutos de gameplay.

A trama em si não é nada surpreende, girando em torno dos Saints buscando evitar que outras três gangues tomem o poder da cidade, apresentando diversos personagens caricatos, mas hilariantes e carismáticos. Mas no final, você dificilmente irá dar muito importância para a história, uma vez que o game te incentiva a simplesmente se divertir, seja gerando o caos de forma aleatória pela cidade, seja realizando as incontáveis atividades secundarias.

Em termos de jogabilidade o game esta bem convidativo, uma vez que é bem fácil de dirigir os veículos pela cidade, nada que fuja muito dos padrões já estabelecidos para o gênero, mas consegue acrescentar algumas mecânicas novas, como a possibilidade de se entrar nos veículos de forma mais rápida e de utilizar os inimigos como escudo.

Outra parte muito interessante é os armamentos presentes no game, de forma geral são as mesmas armas de sempre, escopetas, rifles, metralhadoras, granadas, etc, porém todas elas podem ser customizadas, podendo aumentar a quantidade de dano e munição, alem de alguns outros atributos. Mas o mais interessante é o fato da haver armas especiais que deixam o gameplay ainda mais divertido, como por exemplo uma arma que realiza disparos sônicos que atira os oponente a grandes distancias, ou um controle que permite bombardear determinadas áreas, ou ainda uma granada com um gás que faz os inimigos vomitarem ao serem atingidos. Há até mesmo uma bastão, enorme e roxo, em forma de pênis, sim de pênis, que comprova o quão sem noção esse game pode ser.

Em termos de ambientação Saints Row não deixa nada a desejar, Steelport, metrópole onde o game é ambientado, é enorme e muito bem detalhada e movimentada, cheia de veículos e pessoas distintas, que contribuem com o humor sem noção do game. Você encontrará pessoas comuns, andando lado a lado com prostitutas e seus decotes generosos, ou mesmo vestidas com roupas sadomasoquistas em plena luz do dia, e muitas outras bizarrices. Tudo de forma a te lembrar constantemente a não levar o game muito a serio.

Outro fator que impressiona e surpreende é o alto fator de customização do game, começando pelo seu personagem, você pode alterar o rosto, sexo, tamanho do corpo, cor da pele, cabelo, vestimentas, maquiagem e muito mais, e o melhor a qualquer momento, mesmo durante a campanha. Até mesmo a aparência dos membros da sua gangue podem ser alterados.  

É impossível não comparar Saints Row com GTA, porem o game se diferencia da grandiosa franquia da Rockstar por priorizar a ação e humor acima de qualquer noção de sentido e realismo. O Saints Row simplesmente presentei o jogador com missões cheias de ação, humor e doses cavalares de momentos cinematográficos que fica difícil não se divertir com o game. Apenas para exemplificar, em uma das missões, o jogador tem o objetivo de roubar um tanque de guerra, porem o veiculo esta em uma avião cargueiro em pleno voo, para conseguir cumprir com o objetivo, você simplesmente pula do avião com o tanque e, pasmem, começa a utilizar-lo em pleno ar, tendo que detonar vários outros tanques e inimigos que saltaram atras de você. Gostou? Acredite há muitas outras missões ainda mais sem noção e divertidas do que essa.

Saints Row: The Third é um ótimo game de ação, que prioriza a diversão e humor acima de qualquer coisa, acima da historia, dos personagens e até mesmo da noção de realidade. Não há como não se divertir jogando Saints Row, a não ser que você seja um cara chato, velho, ranzinza e puritano, nesse caso passe muito longe de Steelport. Um jogo indicadíssimo para os fãs de mundo aberto e da zoeira infinita. 

"Desde tempos imemoriais, grandes líderes de origem humilde surgem...
... para fazer merda!"



Informações adicionais:

Nota geral: 09.
Tempo dedicado ao jogo: 69 horas. (sugestivo!)
Conquistas desbloqueadas: 66 de 83.
Dificuldade geral: fácil.
Fica a dica: Não leve o jogo a serio e jogue em coop, que a zoeira será sem limites.
Modo de jogo: Singleplay e cooperativo para até 2 jogadores.
Idioma: Inglês, mas com tradução disponível no site Gamevicio.
Imagens durante a jogatina: Clique Aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas