Análise games - Deadlight


Deadlight é um game do tipo plataforma onde assumimos Randall Wayne em meio a um apocalipse zumbi, com o objetivos de encontrarmos a sua família. O game foi desenvolvido pelo estúdio Tequila Works e publicado pela Microsoft Studios, chegando ao Xbox 360 em agosto de 2012 e em outubro do mesmo ano para os PCs via Steam.


A trama é desenvolvida em 3 capítulos, onde Randall, um ex-guarda florestal, percorre a cidade de Seattle em busca do seu grupo de sobreviventes e principalmente da sua esposa e filha. A trama é bem interessante e é narrada através de "cutcenes estáticas" que são muito bem trabalhadas e dão uma boa dramaticidade a narrativa. Mas apesar de Randall ser um personagem forte e interessante, o drama apresentado não chega a surpreender, pois o enredo não apresenta nada novo, principalmente para os que são fãs do gênero de apocalipse zumbi. Outro fator que deixa a trama um pouco menos envolvente é que o game é bem curto, podendo ser finalizado em um pouco mais de 4 horas, fazendo com que não haja tempo para nos apegarmos ao protagonista, pois quando menos esperamos a trama se encerra. O final pode surpreender e é bem digno da pequena jornada do personagem.

Em termos de jogabilidade o game também não chega a inovar, na verdade a jogabilidade é bem simples, Randall simplesmente segue em frente ao longo dos cenários 2D, o que inevitavelmente deixa o game extremamente linear. A novidade fica pelo fato de se tratar de uma game de apocalipse zombie no estilo plataforma 2D, uma vez que o gênero é praticamente dominado por FPS. 

Ao longo da trama encontramos basicamente 4 armas, um machado, utilizado para quebrar portas e ataques corpo a corpo, um revolver, um estilingue, que é utilizado para resolver pequenos puzzles e por fim uma espingarda calibre 12, que é ideal para se livrar de pequenas grupos de zumbi. A quantidade limitada de armas é proposital, uma vez que o próprio game te incentiva a sempre fugir nos zumbis, que são chamados de Sombras no game, que são bem lentos, mas que apresentam grande perigo quando estão em grande numero.

A ambientação é incrível e é o grande atrativo do game, Seattle é ricamente detalhada, os diversos cenários que o game apresenta mostra de forma muito interessante o resultado de todo caos causado pela apocalipse zombie. Vemos bairros residencias assolados de zombies, grandes centros com prédios ao fundo destruídos e tudo representado de maneira sombria, até mesmo nas fases em que se passa durante o dia, uma vez que o tempo está quase sempre nublado. Essa ausência de luz é proposital, uma vez que contribui em muito com o tom sombrio e melancólico que a trama busca passar, algo que me lembrou um pouco o game Limbo.

Deadlight é um ótimo game, com uma jogabilidade bem atraente, uma história curta, mas convincente e princialmente com uma ambientação extremamente cativante. Um game indicado tanto para os fãs de games plataforma, quanto para os fãs de games de zumbis, que pode trazer, mesmo que de forma rápida, um pouco de novidade para um gênero saturado de FPS. 

"Estou pronto" - Randall.



Informações adicionais:

Nota geral: 08.
Tempo dedicado ao jogo: 11 horas.
Conquistas desbloqueadas: 30 de 31.
Dificuldade geral: média.
Imagens durante a jogatina: Clique aqui.
Idioma: Inglês, com tradução disponível no site Tribogamer.

Comentários

Postagens mais visitadas